Novos executivos

Para sustentar o processo acelerado de crescimento da área de Advisory e assegurar soluções com qualidade superior, custo competitivo e entrega nos prazos adequados a seus clientes, a Mazars Cabrera está incorporando ao seu corpo executivo três profissionais altamente qualificados e reconhecidos no mercado.

 

Publicado em 17/01/2018

 

Com satisfação, apresentamos Raimundo Sousa, Claudio Peixoto e Paulo Wyss, que se integram ao alto comando do Advisory da Mazars Cabrera.

Da esquerda para a direita: Raimundo Sousa, Claudio Peixoto e Paulo Wyss.

 

Raimundo Sousa

Sócio

Área: Governança e Gestão de Performance 

Raimundo Sousa possui carreira como executivo de finanças, administração e gestão de gente em organizações nacionais e multinacionais de grande, médio e pequeno porte. É Mentor Executivo e atua há 20 anos em consultoria empresarial com foco em resultados superiores. Atuou por longo período como consultor sênior e líder de projetos no time do FALCONI. É cofundador da BMI, TotvsBMI e Totvs Consulting. Tem experiência reconhecida e expressiva nos segmentos de saúde, alimentos, agronegócios, serviços e varejo.

  • Graduado em Ciências Contábeis pela Universidade São Judas Tadeu
  • Advogado graduado pela Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo
  • Mestre em Administração de Empresas pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

 

Claudio Peixoto

Sócio

Área: Investigação e Prevenção a Fraudes

Claudio Peixoto é especialista em ABC (anti-bribery and corruption), AML (Anti Money Laundry) e Antitruste (concorrêncial) e possui 27 anos de experiência em auditoria financeira, implantação de estruturas de compliance e investigação de fraudes com expertise em avaliação do risco, desenvolvimento de planos estratégicos de auditoria, revisão financeira, operacional e de processos, testes de controles internos e elaboração de relatórios, incluindo sugestões de melhorias e desenvolvimento de novos controles.

  • Graduado em Ciências Contábeis pelo Instituto de Ensino Superior de Santo André.
  • MBA em Gestão Empresarial pela FGV/SP
  • Membro do Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo
  • Investigador de Fraude - Certificado - CFE (Certified Fraud Examiner)
  • Fundador e presidente do capítulo Brasileiro do ACFE
  • Membro da Comissão de Riscos do IBGC
  • Certificado pela DSC 10.000 (Diretrizes para o Sistema de Compliance)
  • Professor de Compliance na FIA (Fundação Instituto de Administração), FECAP (Fundação Escola de Comércio Alvares Penteado) e Estácio

 

Paulo Wyss

Diretor

Área: Business Recovery Services

Paulo Wyss tem sólida experiência de 28 anos adquirida como executivo e consultor nas maiores empresas de auditoria e consultoria do Brasil e no Exterior. Ele liderou a negociação de diversos processos de fusões e aquisições (M&A) de grandes empresas, assessorando investidores e vendedores em todas as etapas do processo de investimento ou alienação dos negócios. Possui ampla expertise em renegociação de dívidas, captação de recursos e elaboração de planos de negócios em processos de Recuperação Judicial e Extrajudicial.

  • Advogado graduado pela PUC/SP
  • Pós-graduado em finanças pela FGV/SP
  • Especialização em Corporate Turnaround na Harvard Business School.
  • Professor de finanças e restruturação financeira no MBA da Fundação Instituto de Administração da Universidade de São Paulo (FIA-USP) e da Business School São Paulo (Laureate Universities), além de advogado inscrito na OAB/SP.

 

 

Quer tirar alguma dúvida?

Fale com a nossa equipe de relacionamento!

 

Receba nossas newsletters

* mandatory fields

Mais notícias

Notas Fiscais Eletrônicas_1086x202_cabeçalho

Notas Fiscais Eletrônicas

Novas regras de emissão entram em vigor e exigem mudanças na sua empresa

Lei de recuperação judicial_1086x202

Lei de Recuperação Judicial e Falências

Alterações fomentarão o diálogo prévio entre devedores e credores. Confira o que deve mudar.

Agenda para 2018_1086x202

Agenda para 2018

Listamos abaixo alguns dos importantes aspectos que vão pautar a rotina das empresas, e até de pessoas físicas, a partir das primeiras horas de 2018. Alguns deles poderão inclusive impactar as demonstrações financeiras de 2017, seja em termos de ajustes ou na divulgação de informações. Confira as novidades e se prepare para elas!